logo IMeN

Insonia e alimentação.

A insônia simples, isto é, aquela que não possui causas orgânicas e não tem relação com outros distúrbios, é caracterizada basicamente pelas insuficiências do sono. O individuo com insônia frequentemente demora em adormecer, ao mesmo tempo em que pode despertar várias vezes durante o sono ou acordar muito precocemente.
Um sono de boa qualidade é um aspecto fundamental na vida do ser humano. Devido a sua função restaurativa, a privação pode gerar consequências negativas  que refletem diretamente no bem-estar, com prejuízo em curto ou longo prazo das atividades diárias do paciente.
Dentre outros fatores, a alimentação pode influenciar tanto de maneira positiva quanto negativa sobre o sono. Por isso, é importante atentar-se em alguns pontos para melhorar a qualidade do nosso sono ou mesmo minimizar o quadro de insônia.
Alguns estudos têm apontado que uma dieta desequilibrada, rica em gorduras, carboidratos refinados ou baixa em proteína estaria associada a uma menor duração e qualidade do sono.
Por outro lado, uma dieta equilibrada e variada poderia influir positivamente neste aspecto.
A ingestão de triptofano também vem sendo bastante explorada na literatura devido a sua influência positiva sobre o quadro. O triptofano é precursor da serotonina e melatonina, hormônio do bem-estar e do sono, respectivamente.  Por isso, vale a pena investir, por exemplo, na ingestão de leite ótima fonte de triptofano para o organismo. O milho tambem é uma boa fonte de triptofano.
Além disso, outra estratégia para melhorar o sono se dá pela ingestão de alimentos com melatonina. Já é bem consolidado na literatura que alguns alimentos, tanto de origem vegetal, como kiwi, cereja, uva, aveia, cevada; e de origem animal, como carne, peixes, ovos e leite, são consideradas boas fontes de melatonina.
interessante evitar o consumo excessivo de café, chá preto e verde, assim como, os alimentos ricos em cafeína, doces e guloseimas, especialmente se for próximo do horário de dormir.
Chás como o de camomila, capim cidreira e maracujá também são conhecidos pelo seu potencial calmante, podendo ser aliados na busca por uma noite de sono mais tranquila.

IMeN - Instituto de Metabolismo e Nutrição
Rua Abílio Soares, 233 cj 53 • São Paulo • SP • Fone: (11) 3287-1800 • 3253-2966 • administracao@nutricaoclinica.com.br